Home / Computadores / Intel confirma Rocket Lake com PCI-E 4.0 para início de 2021 e reforça compromisso com games

Intel confirma Rocket Lake com PCI-E 4.0 para início de 2021 e reforça compromisso com games

A Intel divulgou no dia 7 de outubro um comunicado pelo qual reforça seu compromisso em oferecer o máximo de performance aos gamers. Apesar das dificuldades que enfrenta no mercado, especialmente com a rival AMD oferecendo melhor custo-benefício, os processadores da gigante de Santa Clara ainda são tidos como a melhor opção para quem quer extrair o máximo dos jogos, devido às altas frequências em que operam.

A empresa também vem investindo cada vez mais em parcerias com estúdios de jogos para oferecer otimizações específicas para suas CPUs, como o recente acordo realizado com a Square Enix relacionado ao game Marvel’s Avengers, que utiliza a velocidade e a contagem de núcleos da família Core para adicionar efeitos extras aos game e realizar cálculos de física com maior precisão.

Em comunicado divulgado hoje, a Intel reforçou seu compromisso com a comunidade gamer, destacando ainda outras parcerias estabelecidas em lançamentos recentes. No Microsoft Flight Simulator, a fabricante deu suporte à implementação do Software Masked Occlusion Culling, que renderiza apenas os pixels vistos pelo jogador, além de otimizar o game para as GPUs Xe da família Tiger Lake.

Em Gears Tactics, a Intel trabalhou com a desenvolvedora The Coalition na aplicação do Variable Rate Shading (VRS), que modifica a complexidade de objetos de acordo com sua importância na cena, e da computação assíncrona, que permite o processamento de várias cargas de trabalho de gráficos ao mesmo tempo. Por fim, a empresa colaborou no desenvolvimento de A Total War Saga: Troy, que chegou a ser disponibilizado gratuitamente no lançamento, para efeitos de física e gráficos semelhantes a Marvel’s Avengers.

O anúncio mais interessante, no entanto, foi a confirmação de que a 11ª geração Rocket Lake-S para desktops será lançada no início de 2021, possivelmente em março, segundo rumores divulgados ontem. A família deve se manter em 14nm, mas oferecer as melhorias de arquitetura vistas na família Tiger Lake, além de enfim trazer suporte ao PCI-E 4.0. De acordo com informações do site WCCFTech, os chips Rocket Lake deve utilizar os novos núcleos Willow Cove, e estrear os gráficos Intel Xe nos desktops, ainda que em configuração mais modesta.

Como lembra o site The Verge, os anúncios de hoje não são mera coincidência. A Intel quer garantir seu posicionamento no mercado de games um dia antes do lançamento dos novos Ryzen 5000 e da arquitetura Zen 3 da AMD, que devem proporcionar um salto respeitável de performance em relação à linha Ryzen 3000. Nos resta aguardar pelos anúncios para sabermos qual será o resultado do conflito clássico entre as empresas.

Fonte: tudocelular

Comments

comments

About valter

Formado em Engenharia Mecânica, apaixonado por tecnologia e softwares

Check Also

Surface Laptop Go – O Novo Laptop Leve e Barato da Microsoft

A Microsoft lançou um novo laptop Surface mais barato para quem prefere um computador com …