Home / Sistemas Operativos / WhatsApp: As suas conversas estarão mais protegidas

WhatsApp: As suas conversas estarão mais protegidas

O WhatsApp é uma das melhores e mais populares plataformas de comunicação, mas há sempre margem para melhorias. Isto é certo, sobretudo ao nível da segurança e privacidade.

Nesse sentido, é com bastante otimismo que damos agora a conhecer uma das suas futuras ferramentas: a proteção de cada chat.

Sim, isso mesmo! Algo que estava em falta nesta plataforma, comparativamente com algumas das suas alternativas, era a proteção de cada janela de chat ou de toda a aplicação. Esta é a nova funcionalidade que estará atualmente a ser testada.

Proteção redobrada no seu WhatsApp

No pior cenário possível do seu smartphone ser roubado e conseguirem ultrapassar o código de bloqueio, teriam acesso a toda e qualquer informação presente na aplicação WhatsApp. Reiterando, no pior cenário possível…

Para precaver este hipotético cenário, o WhatsApp já está a testar uma nova função de proteção. Nesse sentido, aponta-nos a publicação WaBetaInfo. Segundo os novos dados, na mais recente versão de testes (versão beta) 2.19.3, temos já referências no código-fonte a esta nova ferramenta.

Entretanto, cumpre ser dito que a funcionalidade ainda não está disponível para os utilizadores, nem mesmo nas versões beta. Está sim, latente no código-fonte da app para Android e iOS, esperando uma eventual distribuição gradual.

As novidades chegarão ao Android e iOS

Antes de tudo, já há alguns meses que esta função tem vindo a ser sugerida. Aliás, numa primeira fase vimos indícios de que o TouchID e o FaceID seriam utilizados para proteger as janelas de chat para a plataforma iOS.

Todavia, até ao momento não tínhamos visto qualquer indício de que esta mesma função chegaria aos utilizadores Android. Algo que agora muda de figura e sim, esta função também deverá chegar à plataforma Android.

Tal como pode ser visto nas imagens que ilustram este artigo, as novidades são abrangentes. Assim sendo, as janelas de chat no WhatsApp poderão ser protegidas de várias formas.

Já de acordo com a fonte, poderá utilizar o leitor de impressões digitais do seu smartphone Android ou iOS. De maneira idêntica poderá também aplicar um código PIN, palavra-passe, entre outros métodos de bloqueio e proteção.

Aplicada esta nova proteção, sempre que abrir ou aceder ao WhatsApp terá de autenticar-se. Assim sendo, a título de exemplo, caso receba uma notificação do WhatsApp, para ver o seu conteúdo terá de se autenticar.

Em suma, será uma função que se pode tornar algo restritiva para os utilizadores mais intensivos. Contudo, no que à segurança diz respeito, por vezes todas as precauções são poucas.

Já numa outra tónica, para já esta função não pode ser aplicada a cada janela individual de chat. Isto é, ou se aplica ao WhatsApp como um todo, ou não se aplica.

Por outro lado, não impede o WhatsApp de eventualmente aplicar este novo método de proteção a cada janela individual de chat. Contudo, para já, resta-nos apenas esperar pela chegada destas novidades às versões estáveis da aplicação para Android e iOS.

Há mais novidades a chegar ao WhatsApp para Android e iOS

Por fim temos ainda novidades ao nível dos ficheiros de áudio e multimédia. Neste caso teremos um novo aspeto para o seletor de ficheiros. Algo que se tornará evidente sempre que selecionar, por exemplo, um ficheiro de áudio para enviar.

Assim sendo, o aspeto atual deverá ser renovado com um look mais contemporâneo. Note-se ainda que além do novo aspeto o renovado seletor de ficheiros tornará possível a pré-visualização do conteúdo selecionado.

Em síntese, temos aqui um bom leque de funções que deverão chegar às plataformas Android e iOS. Contudo, para já é impossível dizer exatamente quando é que chegarão aos utilizadores.

Fonte: pplware

 

Comments

comments

About valter

Formado em Engenharia Mecânica, apaixonado por tecnologia e softwares

Check Also

Samsung poderá ter vários smartphones com notch no ecrã

A moda dos smartphones com notch, ou um entalhe no topo do ecrã, apareceu por …